.posts recentes

. Guarda-redes da Selecção ...

. The Beatles - I Me Mine

. Espírito Natalício

. Segunda-Feira!

. Algumas partes do melhor ...

. Concerto Ray Wilson (Ex-G...

. Franz Ferdinand - Lucid D...

. Franz Ferdinand - Campo P...

. João Só e os Abandonados ...

. The Muppets - Bohemian Rh...

. Cabeleireiro

. Bombeiros Voluntários da ...

. Keane - Again & Again

. Pequeno Nikita

. Razorlight - Golden Touch

. Kirchhoff Arctic Set "Stu...

. Sem ideias para um título...

. Futebol

. Quando eles tinham cabelo...

. New Shoes

.arquivos

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

.Contador

Sexta-feira, 27 de Novembro de 2009

The Muppets - Bohemian Rhapsody

 

publicado por Ringo às 10:27
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 26 de Novembro de 2009

Cabeleireiro

Talvez, já há uns 4 anos que não ia cortar o cabelo num cabeleireiro, desde que comprei uma máquina de cortar o cabelo, opto sempre por cortar em casa, pelo menos fica mais económico. Só há um pequeno pormenor, quando corto o cabelo em casa, normalmente é a minha mãe a cabeleireira de serviço, o corte nunca fica perfeito, ou fico com uns bocados de cabelo maiores, a patilha fica torta, ou então, como me aconteceu uma vez, fiquei sem uma patilha, aí as lágrimas vieram-me logo aos olhos, desde os 15 anos que ando a cultivar estas patilhas, não é que queira ter umas patilhas iguais às do Quique Flores, só que já não me consigo ver sem patilhas.

Fui ao único sítio que estava aberto à noite, ao Sanjam, é impressionante, a maior parte dos empregados é brasileiro, calhou-me logo o Júnior, tinha assim uns tiques esquisitos, já não há barbeiros machos como o Jesuino.

Cortou-me o cabelo num instante, o rapaz manejava o pente e a tesoura com uma facilidade incrível. Quando chegou a altura das patilhas, perguntou-me se eu queria cortar tudo, respondi-lhe logo que não, era para manter, ele apontou a máquina para cortar e eu pedi-lhe para cortar mais abaixo, para ficar assim um bocado maior, nessa altura ele riu-se, se calhar na zona de Cascais o pessoal não usa patilhas, cortam tudo até acima.

A parte pior foi ter pago 13€ para cortar o cabelo, não sabia que estava assim tão caro um corte de cabelo, pelo menos o corte ficou certinho e com as patilhas bem arranjadas, parecia que tinham sido arranjadas a régua e esquadro, assim vale a pena.




Não foi este o corte, mas para a próxima vou pedir um corte destes.

publicado por Ringo às 14:16
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 18 de Novembro de 2009

Bombeiros Voluntários da Salguerinha


 

No passado mês de Setembro, fez precisamente 6 anos que o meu avô e eu tivemos uma aventura insólita, parecia uma cena retirada de um filme de Louis de Funès.

Tudo começou em Setembro, estava eu de férias, tinha concluído a minha licenciatura, perdão, tinha terminado o 12º ano e enquanto estava a aguardar por alguma proposta de trabalho, o meu avô convidou-me para ir com ele à Salgueirinha vindimar. Aceitei logo o convite, até porque estava em casa sem fazer nada, pelo menos seria agradável fazer algo de útil.

Na parte da manhã não se passou nada de especial, apanhámos a uva para o meu avô poder fazer aquele vinho tão especial, de que ele tanto gosta e alguns amigos dele também, até houve uma vez que um senhor amigo do meu avô, gostou tanto do vinho, bebeu tanto que até se mijou nas calças.

Da parte da tarde fomos ao lagar do vinho, que ficava no alto ao lado da casa do Zé Correia, deixar as uvas para mais tarde serem esmagadas. Quando vínhamos a descer, ouvimos alguém a pedir socorro, numa bela e calma tarde de Setembro na Salgueirinha, esta era sem dúvida uma situação anormal. Fomos ver o que se estava a passar, subimos um pouco e seguimos na direcção do pedido de ajuda. Chegámos à porta da casa do Zé Correia e vimos a mulher dele cá fora, muito aflita. Algumas pessoas do campo têm a sua casa e no quintal, costumam ter uma barraquinha (não sei se será o termo correcto) onde costumam fazer a comida. A barraca tinha começado a arder por causa do calor, penso que tinham alguma lenha lá dentro e foi isso que causou o incêndio.

Assim que vimos a barraca a começar a arder, procuramos logo maneira de extinguir o fogo, só que havia um grande problema, estava uma botija de gás dentro da barraca. Tentei aproximar-me da botija para tirá-la, mas não consegui, o calor era insuportável. Olho em redor e por sorte, ao lado da barraca estava um enorme tanque cheio de água, era só preciso arranjar maneira de tirar a água do tanque para cima do fogo. Vejo no chão um balde, pego nele e encho-o de água, quando vou atirar a água para o fogo, nada, não saiu água nenhuma do balde, olho para o fundo e o balde tinha vários furos, a água tinha caído toda no chão, naquele momento nem tive tempo de pensar em mais nada, a minha preocupação era a botija de gás, se o fogo chegasse à botija, a qualquer momento podíamos ir todos pelo ar,  estava mesmo cheio de medo. Nesse mesmo instante, olho para o lado e vejo o meu avô com uma mangueira, fiquei descansado, pensei: «Epá, o avô é mesmo desenrascado, foi logo encontrar uma mangueira, é mesmo isso que estamos a precisar.» Quando o meu avô aponta a mangueira para o fogo, não sai água nenhuma, a mangueira era curta demais e tinha saltado da torneira. Isto não podia estar a acontecer-nos, tudo corria mal. No meio de toda aquela confusão, lá encontrámos uns alguidares e atirámos com tanta água para cima do fogo que o tanque ficou a meio, fiquei todo encharcado mas conseguimos apagar o incêndio, foi pena a barraca ter ficado sem tecto, do mal o menos, o Zé Correia lá deve ter construído outra.
Calhou a estarmos no sítio certo na hora certa, no final até nos rimos todos do que tinha acontecido, mas na altura apanhámos um enorme susto. Foi preciso ter azar, um balde furado que servia para regar as plantas e uma mangueira bastante curta, mas lá nos conseguimos desenrascar.

Infelizmente o Zé Correia e a sua esposa já faleceram, dizem que ele era um grande contador de histórias. Este texto é dedicado à sua memória.

publicado por Ringo às 22:12
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Terça-feira, 17 de Novembro de 2009

Keane - Again & Again

 

publicado por Ringo às 22:50
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 12 de Novembro de 2009

Pequeno Nikita



Na época passada, num jogo contra as Sentieiras, estávamos a perder 2-0 ao intervalo. Eu estava danado, até estava a jogar bem e o resultado não era o mais favorável à nossa equipa. Quando saio do balneário e me dirijo para a baliza, passo pelo Bernardo Nikita, o miúdo mais novo que acompanha sempre o jogos do Errense e ele vira-se para mim e diz: «Então, já deste duas frangas?», eu tentei não ligar ao gaiato, até porque estava de mau humor e era capaz de o mandar dar uma volta, segui para a baliza, também achei que o miúdo estava a meter-se comigo.
Na 2ª parte sofro mais um golo, a bola vai a meio-campo e o jogo recomeça, oiça uma voz de criança a chamar-me e olho para a bancada, era o Nikita, mas desta vez furioso: «Poça pá, mais um golo Asseiceira, fogo», fiquei a pensar: «Só me faltava este estar a chatear-me nesta altura». Claro que depois até achei piada, mas na altura fiquei danado com o gaiato.

Nesse dia à noite, depois do jantar do Errense, foi a altura ideal para "castigar" o Nikita, ele anda com a ideia de que quer ser guarda-redes, então fui-lhe dar treino específico, levou com cada bujarda, acho que no outro dia deve-lhe ter custado a levantar.

No fim-de-semana passado, estávamos a perder 2-0 ao intervalo, passo novamente pelo Nikita e ele vira-se para mim com ar de gozão: «Então, mais duas frangas?» Pena não ter ido jantar à Erra senão ele tinha levado com mais um treino específico de guarda-redes.

publicado por Ringo às 22:16
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 11 de Novembro de 2009

Razorlight - Golden Touch

Belas galochas!

publicado por Ringo às 19:32
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 6 de Novembro de 2009

Kirchhoff Arctic Set "Studio" 5000/20

 

Não, não quero dar nas vistas, nem quero protagonismo, mas esta bateria acrílica é linda, já há algum tempo que ando à procura de uma bateria acrílica a um preço acessível, descobri esta na internet e foi amor à primeira vista. Apenas por 1299€, alguém conhece algum banco fácil de assaltar?

 

Site: http://www.musik-produktiv.de/kirchhoff-arctic-series-10018514.aspx

publicado por Ringo às 10:18
link do post | comentar | favorito

Sem ideias para um título (Problema de Expressão?)

São várias as vezes que durante o dia imagino certos assuntos, histórias ou situações do dia-a-dia para colocar no blog, mas quando chega à altura de escrever, ou esqueço-me, ou então não consigo escrever da melhor forma aquilo que tinha pensado. Isto acontece-me frequentemente, sempre que me sento ao computador para tentar escrever algo, parece que as palavras não saem, tenho uma dificuldade enorme em conseguir expressar-me ou publicar um texto mais elaborado. É claro que não quero ser nenhum escritor, nem tenho ambição/talento para isso, mas às vezes até seria óptimo poder jogar com as palavras, que elas pudessem fluir e criar um artigo diferente, praticamente escrevo da maneira que falo, por um lado até nem é muito negativo, alguns artigos são escritos com uma certa ironia, e é mesmo assim que eu quero que fiquem.

Sempre que escrevo um artigo, leio e releio vezes sem conta, altero, emendo, apago, nunca ficando satisfeito, colo no Word para descobrir alguns erros, procuro palavras no dicionário, enfim, preocupo-me demasiado com uma coisa tão simples.
publicado por Ringo às 09:56
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
Terça-feira, 3 de Novembro de 2009

Futebol


Posso afirmar que toda a minha "carreira" futebolística como senior foi feita no Errense. Fiz as camadas jovens no Coruchense, desde os infantis até aos juniores, quando foi a altura de dar o salto para os seniores acabei por desistir e sair do Coruchense, na altura a direcção não queria que eu continuasse (soube mais tarde que ficaram todos contentes com a minha saída) e a minha vida pessoal não estava a correr da melhor forma. Desisti.
Ainda me lembro das conversas que tinha com o Pedro Melrinho, às vezes também com o Cardoso, gostávamos muito de imaginar como seria o futuro. Eu e o Melrinho chegámos a combinar, se não conseguíssemos ser jogadores profissionais de futebol em Portugal, emigrávamos para outro país onde o futebol fosse mais fraco para podermos ser profissionais e quem sabe, jogar na selecção desse país, depois sermos descobertos por algum olheiro e entrarmos em Portugal pela porta grande. O Melrinho esteve há pouco na Índia, podia ter aproveitado para concretizar o seu sonho de miúdo.

Desde que jogo no Inatel, já me aconteceram alguns episódios engraçados, outros nem por isso, o que é certo, no Inatel vê-se de tudo, a começar pelos árbitros, a maior parte deles é gente sem o mínimo de formação, nem sabem dizer uma frase completa e só porque têm o apito acham-se a autoridade, vê-se com cada patego.
Este fim-de-semana houve mais um jogo do Errense e que jogo, pelo menos aquela primeira parte, foi tão polémica e foi tempo de eu mandar um belo frango, já não mandava há mais de um ano, o que não é nada mau para uma pessoa que não treina. Sempre odiei mandar frangos, era a pior coisa que me podia acontecer a jogar futebol, quando era mais novo, ninguém podia falar para mim sempre que mandava um frango, fechava-me em casa, agora com o passar do tempo a mentalidade já é outra (mais ou menos), mas aquele sentimento de vergonha está lá, fico sempre a pensar que podia ter feito mais, ou como é que pude sofrer um golo assim?!. Nem vou descrever o golo que sofri, só de pensar nisso apetece-me esconder debaixo da cama com vergonha, de qualquer forma, já sofri golos mesmo esquisitos. Se algum dia for pai, os meus filhos estão proibidos de serem guarda-redes.

O que vale é que a noite de Sábado correu bastante bem e deu para esquecer o franguito da tarde, demos um belo concerto em Marinhais, não na Lua Azul, com muita pena minha, mas no 3Bar.

publicado por Ringo às 21:52
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.links